Classificação atualizada do trimestre

Segue emocionante a disputa do trimestre Jul/Ago/Set. Mandrake segue na liderança mas Duda03 e Ivan_SCS estão muito próximos. Da quarta até a décima terceira posição, a diferença é muita pequena e qualquer pontuação extra é muito importante na busca pela premiação.

Éééé amigo! Em uma rodada, tudo pode mudar!

Anúncios

O gênio Roger Federer

Durante um intervalo na gravação de um comercial para a Gillette, Roger Federer desafiou um dos integrantes da equipe que filmava o anúncio. O rapaz, meio preocupado, aceitou colocar uma garrafinha na cabeça enquanto o suíço se preparava para disparar um saque. O que acontece quando Federer executa o golpe? Clique abaixo e veja com seus próprios olhos!

Efeitos especiais? Saques certeiros? Deixe sua opinião!

Cornetas

Próxima vítima: Goiás no Monumental pulsando com Renato!  IMORTAL TRICOLOR

Libertadores? Sou BI e tu? Ah tá…   DUDU77

Estão vendo como é bom estar tão perto do BI da América? Já sabemos o que é isso desde 1995!   DUDU77

Antes de falar do Renato não esqueçam do Roth! hahaha  DUDU77

Internacional? Só se for o de Santa Maria. Até o site do Chivas se confundiu com a ‘grandeza’ dos dois times e colocou o escudo do time do interior do Rio Grande do Sul! Hahaha Confira abaixo… DUDU77

Não sei o motivo de continuarem fazendo pesquisas sobre as maiores torcidas do País, tem coisas que nunca irão mudar…Acompanhe os dados da última pesquisa IBOPE divulgada essa semana:    DUDU77



*                         *                           *                              *                              *                             *

É difícil secar time bom e torcer pra time ruim. Paulo Sant’ana

Calma, calma pessoal é um simples técnico não um jogador. Duda03

O Renato Rebaixalupi encontra-se hoje com sua próxima vítima. Duda03

Fica Celso Roth. Torcida colorada e 51% dos gaúchos

Eu ainda não entendi porque fui demitido. Jorge Fossati

O Grêmio está fazendo uma limpa. Só vai ficar os terminados em “ilson”; Adilson, Edilson, Maylson, etc. Duda03

Agora entendi porque a construção da Arena; para os atletas do Grêmio se degladiarem entre sí. Duda03

Éééé amigo! Em uma rodada, tudo pode mudar!

Colunas da dupla GreNal

EIS UM GIGANTE
O que tem acontecido nos últimos dias tem mostrado quão grande o Inter é. É a culminância de um trabalho sério envolvendo todas as áreas de um clube de futebol: direção, comissão técnica, jogadores identificados com o clube e uma torcida que além de ser o maior quadro de sócios da américa, são fantásticos. O Inter está colocando uma bandeira no topo do mundo e dizendo SOU GRANDE e não estou aqui atoa. Lembro que tempos atrás tomar um gol como tomamos contra São Paulo e Chivas seria o início de uma goleda  a ser sofrida, porém agora é muito diferente, o gol sofrido tem servido de motivação para buscar um resultado mais favorável. Ao contrário do que muitos dizem que São Paulo e Chivas não jogaram bem, é o Inter que tem dominado as partidas e não deixando seu adversários jogarem. Também é indiscutível a competência de Roth, se com um time medíocre ele chegou ao vice campeonato brasileiro em 2008, como não irá mais longe com um timaço como o do Inter. O que me deixa contente com o Celso é que ele não é um técnico que chega e diz que todos tem que se adaptar às suas idéias. Ele se adaptou ao Inter, entendeu as carencias e resolveu de uma forma simples e olha que nosso ataque deixa a desejar. Enfim sirvam nossas façanhas de modelo à toda aTerra.

Por Eduardo Wisniewski – DUDA03

*                                    *                                *                                *                                    *

A CRISE E UM NOVO GRÊMIO
Explodiu de vez a crise no Olímpico. Previsível e aguardada. Algumas decisões elogiáveis foram tomadas, como o afastamento do insuficiente diretor de futebol Meira. No embalo o Silas foi junto. Não creio que por si só estas duas mudanças sejam suficientes para criar um novo paradigma. Dentro de uma estrutura bagunçada e com muita gente incompetente a queda de apenas dois as vezes não causa tanto efeito assim. Acho que na verdade o Silas é mais uma vítima da bagunça atual do Grêmio. Uma desorganização que começa na sala da presidência, desce pelas arquibancadas e vai ao vestiário, e tem entrado em campo. Por isso, dentro deste contexto tenho que concordar que não se possa chamar de injusta a dispensa do treinador.  De fato, claro estava que não havia mais controle de vestiário e que os jogadores estavam mandando, e fazendo e dizendo o que queriam. Por isso algumas medidas cautelares precisavam ser tomadas para garantir que o clube não fosse a Série B. E este é o objetivo. É a única missão desta trágica Diretoria nesse final de mandato: não rebaixar o clube. Nada além disto virá. Não haverá títulos. Apenas vamos comemorar o não rebaixamento. Tenho dito, a pelo menos um ano, que a grande conquista deste ano é o fim desta administração trágica do Duda e seus bananas. É necessário que se reconstrua um novo Grêmio. O clube precisa se reinventar, passar por um processo de reengenharia, valorizando o passado com olhar no futuro, com novas lideranças e com uma gestão mais profissional. Somente com camisa não se ganha mais jogo. Mas sem ela não se chega a lugar nenhum. É preciso casar isto com boa gestão. Quando isto ocorrer os títulos voltarão. Ao natural. Como sempre foi.

IMERSÃO
Com a chegada de Renato Portaluppi o Grêmio se propõe a dar um mergulho em sua história. Alguns afirmam que ele não tem um currículo tão expressivo como treinador. Mas para a missão que ele vem e com o objetivo que ele vem não precisaria sequer currículo. Renato, para nós gremistas, é mais que isso. Renato é a história viva do Grêmio. É o maior ídolo da história recente, passada, e quem sabe, futura do clube. Quando Renato Portaluppi cruzar as portas do vestiário tricolor o Grêmio estará dando um mergulho em sua própria história. Quem sabe para se reencontrar consigo mesmo. Ao ser anunciado como novo treinador do Grêmio Portaluppi afirmou que deve tudo que é ao Grêmio. Talvez o Grêmio deva tudo que passou a ser a ele também. Quando com dois gols fantásticos ele afundou o campeão europeu em um dezembro de 1983, colocou o Grêmio no cenário mundial e fez deste clube o primeiro campeão mundial fora do eixo Rio-São Paulo. Quem sabe, de repente, em um período de futebol moderno, com novas tecnologias e novas idéias, em que até se disputa final de Libertadores em grama sintética, o clube de maior torcida do Rio Grande não venha a encontrar no seu passado a solução para os seus problemas.
Por Vanir Ramos de Azevedo – VANIR09

Éééé amigo! Em uma rodada, tudo pode mudar!

Palavra do Presidente

Bola Murcha & Bola Cheia

Entre os Palpiteiros que se deram mal em seus palpites na última semana encontramos Melinho com 488 pontos somados, Dane29 com 463, RRR com 461, Moraes com 429 e Deivid12 com 425. Mas ninguém foi mais infeliz que Jairo31, que com seus 358 pontos computados acaba ficando com o indesejado título simbólico de Bola Murcha da Semana! Já entre os Palpiteiros que estão “rindo à toa” com a alta pontuação alcançada temos Jutricolor com 801 pontos conquistados, Fogocolorado com 802, Jair301 com 805, Vanir09 com 832, MLehmen com 844 e Mandrake com 858 pontos. Mas ninguém alcançou mais pontos que Ivan_SCS, que com seus 876 pontos leva o cobiçado título simbólico de Bola Cheia da Semana!

Classificação

No momento em que chegamos ao 30º dia de competição do presente trimestre, Avenida10 é o 6º colocado com 2043 pontos, Dudu77 o 5º com 2043, Jair301 o 4º com 2046, Dionatas o 3º com 2062, Ivan_SCS o 2º no grupo e o 59º no site com 2191 e Mandrake o 1º no grupo e 31º no site com 2246 pontos conquistados. Mas estes Palpiteiros não podem baixar de rendimento, pois visualizando a tabela de classificação podemos verificar que temos 8 Palpiteiros a menos de 100 pontos do 6º colocado, o que deve deixar a todos com as “barbas de molho”, pois ainda teremos muito jogo pela frente até o apito final!

Desastre Ambiental

O jornal “O Corneteiro”, que sempre tem demonstrado em suas edições uma preocupação muito grande com as coisas que dizem respeito ao meio ambiente, não poderia deixar de registrar esta que pode ser a maior catástrofe ambiental da qual se tem notícia. Tudo começou no dia 20/04/2010, com a explosão e o afundamento da plataforma petrolífera Deepwater Horizon sobre o poço Macondo, no Golfo do México, Estado de Lousiana-EUA. Como conseqüência quase 5 milhões de barris de óleo vazaram até meados de julho, sem que a BP – British Petroleum – multinacional sediada no Reino Unido, encontrasse uma solução para conter o vazamento, o que somente em 15/07 viria a ocorrer com sucesso.. Além das 11 pessoas que vieram a falecer no acidente, o fato resultou em prejuízos incalculáveis nos ecossistemas (fauna e flora) e na economia local de 5 Estados do sul dos EUA (Alabama, Flórida, Lousiana, Mississipi e Texas), provocando 145.000 pedidos de indenização, sendo que 319 milhões de dólares já foram pagos, cabendo ainda à BP uma contribuição de 3 bilhões de dólares a um fundo que busca compensar as vítimas do vazamento de petróleo no Golfo do México. O ocorrido acabou abalando, inclusive, a Presidência de Barack Obama.

Já no dia 03/08, iniciou-se a operação static kill (eliminação estática), com a injeção de argila pesada no poço do Golfo do México para bloquear a saída de óleo e controlar a pressão do poço, sendo que em seguida está sendo aplicada uma camada de cimento sobre a argila, para atuar como selador.

Segundo a Assessora da Casa Branca, Carol Browner, “a mãe natureza ajudou a limpar a maior parte do vazamento”, sendo que 74% do óleo vazado foi recolhido, queimado, evaporou ou se decompôs nas águas do Golfo.

Ora amigos, até para um leigo no assunto como eu, estas declarações soam como pouco confiáveis. É provável que o Golfo se recupere novamente, mas não sabemos quanto tempo irá demorar para isto acontecer e quais serão as reais conseqüências de um vazamento a 1.500 metros de profundidade. O impacto dessas nuvens de petróleo no fundo do mar atingiram diversos ecossistemas, e fica difícil de fazer qualquer previsão, pois acidentes com estas características nunca foram vistos ou estudados antes.

E para encerrar fica aqui uma pergunta: já imaginaram qual a repercussão se esta tragédia tivesse acontecido em uma plataforma petrolífera em águas brasileiras?

Esperemos que a natureza se recupere de mais este violento mau trato e que este acidente sirva de lição ao homem no sentido de buscar trabalhar com maior segurança com tudo o que diz respeito ao nosso já tão maltratado meio ambiente.

Um abraço a todos e bons palpites!

Luís Goelzer (Dede2005) – Presidente

Éééé amigo! Em uma rodada, tudo pode mudar!